Até Eu Te Encontrar - Graciela Mayrink

by - janeiro 30, 2014


TÍTULO: Até eu te encontrar
SÉRIE: -
AUTORa: Graciela Mayrink
EDITORA: Novo Conceito
ANO: 2013
PÁGINAS: 384
ISBN: 9788581633237

Sinopse:  O quanto uma mudança de cidade pode afetar uma vida? Você acredita em alma gêmea? Como você se sentiria se não gostasse do grande amor da sua vida? É o que Flávia vai descobrir ao deixar Lavras, onde mora com os tios desde o acidente que matou seus pais, quando era criança. Aos dezoito anos, ela decide estudar Agronomia na Universidade Federal de Viçosa, trocando o sul de Minas pela Zona da Mata do mesmo Estado na esperança de uma "mudança de ares". Em sua nova vida, ela conhece Sônia, amiga de infância de sua mãe e agora sua vizinha, que lhe conta a história de sua família materna, até então desconhecida para Flávia. Embora o passado não seja sua maior preocupação, Flávia reluta em aceitar seu destino e ainda precisa superar uma paixão não correspondida pelo seu melhor amigo. Para se ver livre dessa rejeição, ela tenta atrair sua alma gêmea para Viçosa e descobre que o grande amor de sua vida é uma pessoa que ela não suporta.  (Skoob).


Um romance recheado de clichê, mas que nos prende do início ao fim. Livro de estreia de Graciela Mayrink, Até Eu Te Encontrar apresenta uma narrativa simples e encantadora que nos faz mergulhar na trama de uma forma única.
Em Até Eu Te Encontrar, somos apresentados a Flávia, uma mineira que está pra começar o primeiro ano da faculdade em uma outra cidade. Nossa protagonista toma esta decisão para se desligar do passado que foi um pouco cruel, já que ela ficou órfã durante a adolescência e por conta disto, ela morava com os tios.

Logo no comecinho, ainda durante o famoso trote, Flávia conhece Felipe, um garoto veterano maravilhoso. Sabe aquele tipo que todo mundo fica babando? Pois é, Felipe é este cara. Mas, como em livros a fantasia dá lugar a realidade, ele acaba ajudando ela a se safar de um dos trotes e a partir deste momento nasce uma grande amizade.

Passado um tempo, Flávia começa a sentir algo diferente por Felipe e como ele é um daqueles "pegadores natos" a coisa não fica muito divertida pra ela. Mas, é aí que entra o Luigi, um grande amigo de Felipe que resolveu passar um tempo fora do Brasil - logo após perder o irmão em um acidente de carro - e que causará uma grande bagunça nos sentimentos dela. 

Porém, não é só romance que acontece em Até Eu Te Encontrar. No decorrer da história, Flávia conhece outras pessoas. Uma delas é sua vizinha, Sônia, uma personagem que tem um papel muito importante na vida da protagonista. Elas vão se conhecendo e acabam por descobrir que Sônia era uma das melhores amigas da mãe de Flávia e graças a esta ajudinha do destino, Flávia saberá mais sobre a história de sua família, sobretudo sobre o passado de sua mãe.  

Bom, eu não posso me prolongar muito na história para não estragar algumas surpresas, apesar da capa por si só já dizer muita coisa. 

A escrita da autora é simples e bem ágil. Ela conseguiu me prender de tal sorte que li este livro em um dia, parei apenas para almoçar. Mas, percebi que mesmo com alguns elementos místicos, o livro era apenas "mais um do mesmo", ou seja, apenas um romance simples, estilo sessão da tarde. Aliás, preciso dizer que este livro tem tudo para ser um belo roteiro de filme, ao terminá-lo me deu uma saudade enorme de um filme que eu amo: "Da Magia à Sedução".

Os personagens são  ótimos e muito bem construídos, há um deslize ou outro, principalmente na falta de maturidade em algumas situações, mas nada que não dê para ser digerido. Só preciso destacar que em algumas vezes eu queria entrar no livro e dar umas sacudidas na Flávia e fazê-la enxergar as coisas que estavam bem embaixo do seu nariz! 

Outro ponto que merece destaque é a forma leve como a autora introduziu o misticismo. Particularmente, eu adorei conhecer a Wicca. 

Enfim, Até Eu Te Encontrar foi um livro gostoso e simples. É altamente recomendado para que procura um romance para mergulhar de cabeça.

Aproveitem, divirtam-se e até mais!

You May Also Like

0 comentários